Demanda contingente por água no Distrito Federal do Brasil

Autores

  • José Aroudo Mota Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada – IPEA
  • Marcel Bursztyn Centro de Desenvolvimento Sustentável - Universidade de Brasília - UnB
  • José Oswaldo Cândido Jr Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada – IPEA
  • Feruccio Bilich Universidade de Brasília – UnB
  • Marcelo Teixeira da Silveira Ministério do Meio Ambiente

Resumo

A água é um bem de consumo que possui valor econômico, por suas características físico-químicas ela é essencial à vida humana, animal e vegetal, contudo, os recursos hídricos tornam-se a cada dia mais escassos na natureza. O processo de degradação dos recursos hídricos por meio de ocupações clandestinas e desordenadas e lançamentos de dejetos e rejeitos, além de causar danos ao meio ambiente, também provocam custos econômicos e perdas de bemestar. Portanto, a população consciente com os prejuízos dessa poluição, está cada vez mais disposta a pagar uma quantia extra de sua renda para ter água de melhor qualidade em suas residências. Esse fenômeno ocorre com água que abastece a cidade de Brasília e outras localidades no Distrito Federal (DF) no Brasil. Este estudo visa analisar os efeitos socioeconômicos e ambientais nos preços real e contingente da água proveniente das barragens do sistema Santa Maria/Torto no DF por meio do método de valoração contingente que busca avaliar as preferências declaradas dos consumidores. Os resultados dessa avaliação serviram de base para aplicação da contribuição financeira paga pela companhia de saneamento ambiental do DF-Brasil pela captação em uma área de conservação.

Downloads

Publicado

2018-12-19